O melhor tour a pé: De volta ao passado em York

Por Mayara Rosa & Neuton - julho 14, 2018 - Local: York, Reino Unido

york wall europa reino unido inglaterra

Nossa terceira parada no Reino Unido foi a linda York. Para não perder a tradição, fizemos um tour a pé pela cidade medieval. Foi a escolha perfeita para começar a desbravar alguns dos segredos e encantos escondidos atrás de suas muralhas.


  Chegada em York


trem liverpool york inglaterra reino unido
"As portas do trem fecham 45 segundos antes da partida". O uso de segundos nos impressionou #pontualidadebritanica.

Em mais uma viagem de trem, saímos de Liverpool por volta das 10h da manhã e após 2h de viagem desembarcamos em York. Como chovia um pouco resolvemos pegar um Uber para nossa hospedagem. Ficamos em um quarto do sótão de uma hospedaria, a Bootham Guest House.  Gostamos da experiência de ficar em uma casa tradicional britânica.

Quarto do Sótão [Foto: Booking.com]


Era hora de almoçar e nem tínhamos tomado café direito (apenas no trem). Achamos então um brunch no Bennet's Cafe & Bistro. Gostamos do atendimento e da comida. As sobremesas já conquistaram na vitrine!

Nossos pratos no Bennet's Cafe (a sopa de legumes não deu rs)


 Conhecendo York em um free walking tour

Como já falamos no post sobre o tour em Londres, amamos fazer esses passeios guiados a pé em cidades históricas. Como o título deste post já entregou, o de York foi o melhor dessa nossa viagem pelo Reino Unido. Saiba o porquê.

Mapa desenhado da rota do tour. Fonte [http://avgyork.co.uk].

Este tour, fundado em 1951, é coordenado pela Associação de Guias Voluntários de York. Diferentemente dos outros "free tours", que pedem uma gorjeta no final, o da associação é totalmente grátis. Por serem voluntários, os guias dizem que seu maior pagamento é mostrar para o maior número de pessoas a beleza da cidade (e como York é bela e rica de história, ficamos impressionados).


Chegamos ao ponto de encontro, a Galeria de Arte de York. Como não é preciso reservar, pode acontecer de aparecer muita gente no mesmo horário (foi o caso), então dividiram o grupo com 2 guias. Cada grupo ficou com não mais que 15 pessoas (perfeito para ouvir). Veja nas fotos abaixo um pouco do que é visto no tour.

Em alguns pontos da cidade ainda existem partes da muralha romana (pré-medieval)! 
O cartão postal da cidade: York Minster. No tour apenas visitamos seu exterior, mas a catedral é aberta à visitação.

Peças sendo restauradas na catedral. A igreja foi originalmente feita com limestone (Calcário) da região de York, entretanto hoje em dia a pedra é importada de outros países. Pessoalmente é possível ver o nível incrível de detalhes.

 Holy Trinity Church. Igreja do século XII.
Um dos portões medievais para acesso a cidade entre as muralhas.

Recomendamos fortemente que você inclua York caso esteja viajando pelo Reino Unido. Nos interessamos pelas fotos que vimos na internet, mas ao chegar lá, percebemos que a pequena cidade, apesar de muito antiga, é cheia de vida e este tour foi a recepção perfeita!

Horários do tour: 10:15 am e 13:15 pm.
Não é necessário reservar, só aparecer 5 minutos antes no ponto de encontro: York Art Gallery, Exhibition Square.  Visite o site oficial.

  Jantar: Restaurante DelRio's.

Depois do tour, voltamos para nossa hospedagem e saímos para jantar em um restaurante que já tínhamos escolhido durante o planejamento. Mais um italiano para nossa lista, o DelRio's.

 Pausa pra foto antes do jantar. 
Sorriso antes de perceber que a massa estava bastante apimentada!
Recomendamos o restaurante DelRio's. Comida com porções generosas, ambiente muito bem decorado (o salão de jantar fica embaixo das escadas, dá aquela impressão de local escondido, à luz de velas). 

Momento bastidores: foi até engraçado esse jantar, pois como é um ambiente pequeno e aconchegante, as mesas ficam meio próximas, então um senhor inglês que estava sentado ao nosso lado começou a bater papo. Ele falou durante todo o jantar e descobrimos que é uma aficionado por trens (e visita sempre York, já que o museu ferroviário de lá é ótimo). No fim da noite, quando ele foi embora, a garçonete pediu desculpas, pois disse que ele sempre captura quem senta na mesa ao lado para conversar (quer a pessoa queira ou não rs). 

Após o jantar, nosso plano era visitar o pub The Hop, que toca música ao vivo, mas era tarde e acabamos cancelando.

Qualquer dúvida deixe seu comentário. Agradecemos sua visita e até o próximo post! [Foto: dcpm]


  • Compartilhe:

Veja também

0 comentários