Primeiro jantar refinado em Londres - Dinner by Heston

Por Mayara Rosa & Neuton - fevereiro 04, 2018

Meat fruit dinner by heston londres
Uma das coisas que mais gostamos de fazer durante nossas viagens é comer! E, cada vez mais estamos expandindo nossos horizontes e visitando alguns restaurantes mais refinados. Vamos compartilhar neste post nossa experiência no Dinner by Heston Blumenthal.


Como selecionamos?

Gostamos de procurar artigos locais sobre os melhores restaurantes de determinada cidade, e a partir daí, selecionamos os que cabem para visitar. E para Londres, um artigo que nos ajudou bastante foi o "The Dish - UK Top 100 Restaurants", do The Sunday Times.


Colocamos "primeiro jantar" no título do post pois ainda conheceríamos mais 2 restaurantes dessa lista, em breve o relato aqui no blog.

Fonte: UK Top 100 Restaurants
Nos interessamos pelo Dinner by Heston porque era um restaurante de comida tradicional britânica (além de ter duas estrelas Michelin) e queríamos experimentar.

Reserva

É necessário reservar com antecedência. Eles utilizam o sistema "Open Table", e é necessário indicar um cartão de crédito para ser cobrada uma taxa no caso de "no show". Em outros restaurantes, inclusive, é cobrada taxa de reserva. Para fazer sua reserva utilize o site oficial.

Os restaurantes britânicos estão de acordo com a fama dos ingleses. É importante ser pontual com o horário da reserva.

Como chegar?

O restaurante fica no Mandarin Oriental Hyde Park, um hotel 5 estrelas lindíssimo. Ele fica em frente ao Hyde Park (aquele de nosso passeio de bike)  e a estação do metrô Knightsbridge fica do lado.



Como saímos à noite, fomos de Uber, a propósito todas as experiências com Uber em Londres foram ótimas. Mas, claro, não é barato, afinal, são libras.

Nossa experiência

Logo na chegada, ficamos impressionados com o requinte do Hotel Mandarin Oriental, decoração, escadas, tudo de ótimo gosto.  

Bar do Dinner by Heston . Fonte: Google Maps
Para garantir, chegamos um pouquinho antes do horário. Ao sermos recebidos, o  host guardou meu sobretudo na "coach room" (que quase esquecemos de pegar na saída, apenas lembrando ao sair do aquecedor, claro rs), e nos encaminhou para um sofá no bar, onde esperaríamos nossa mesa ser liberada.

Esperando a mesa com espumante 🍷 e snacks.
Não demorou muito, entramos e fomos conduzidos para nossa mesa. O restaurante estava bem cheio e tinha uma atmosfera muito boa.

O interior do restaurante, moderno e elegante. Foto: Site oficial.
Ficamos em uma mesa bem em frente ao vidro da cozinha. É muito legal ver os chefs trabalhando. A organização é espantosa (outro restaurante que visitamos em que a cozinha é aberta foi o D.O.M, em São Paulo, do chef Alex Atala). Além disso na cozinha também ficam lindíssimos abacaxis assando no espeto (vídeos abaixo).

  

Pois bem, vamos ao que interessa, nossos pratos. Gostamos bastante da comida, ingredientes frescos e apresentação excelente. O serviço foi "à La Carte". Não vamos traduzir os nomes e descrição dos pratos, pois muitas coisas são específicas, não cabe tradução.

Tem alguma coisa melhor que um paõzinho fresco quentinho para começar a refeição?
Tem sim! O pãozinho com uma manteiga classe A!

Entrada: Earl Grey Tea Cured Salmon. (Lemon salad, gentleman’s relish, wood sorrel & Exmoor caviar)

A entrada assinatura da casa, a Meat fruit (sphere of chicken-liver parfait encased in a mandarin jelly, which manages to stay perfectly truthful to the appearance of the fruit). É muito interessante essa "fruta" pois ela é, na verdade, uma espécie de patê do fígado da galinha. Mas a semelhança a uma fruta é incrível.
O interiror da Meat Fruit. Fonte: Creative Loafing.
Prato principal - Mayara: Fillet of Hereford Beef
Prato principal - Neuton: Hereford Ribeye
Acompanhamento. Triple cooked chips - Batatas cozidas, resfriadas, fritas, resfriadas e fritas novamente. Tem como dar errado?
"Yes, they like piña!". Uma das sobremesas mais famosas da casa é o Tipsy Cake (acompanhado com o abacaxi assado lentamente no espeto). Foto: site oficial.
Este é o Typsy cake (bolo super molhadinho) com a fatia de abacaxi assado que derrete na boca. 
Ficamos com uma frustração na sobremesa. Estávamos vendo várias vezes um chef vir em uma das mesas e fazer algo elaborado com uma batedeira e gelo-seco. Queríamos o "show" rs. Fica para a próxima.
Adoramos quando tem "brinde" no restaurante. Para finalizar, um biscoitinho com chocolate!
Acesse aqui o menu completo. Acreditamos que restaurantes são experiências bastante pessoais. E mesmo que um lugar seja excelente, pode ser que em um dia específico não seja tão bacana. Recomendamos sim o Dinner, mas não nos marcou como algo imperdível. Veja outras opiniões de viajantes no TripAdvisor, onde o restaurante está na 150ª colocação em Londres.

Agradecemos sua visita! Deixei um comentário que ficaremos felizes em responder!

Viagem em Maio de 2017

  • Compartilhe:

Veja também

0 comentários